ANAGRAMA: QUID EST VERITAS? EST VIR QUI ADEST.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ANAGRAMA: QUID EST VERITAS? EST VIR QUI ADEST.

Mensagem por Waldir Cury em Sab Maio 30, 2015 8:32 am

Anagrama é a recombinação de letras ou sílabas de uma palavra, ou de uma frase, para formar outra palavra, ou outra frase.  Por exemplo: Roma é anagrama de Amor; Iracema é anagrama de América.

Um dos anagramas mais inteligentes e criativos que já vi foi o que é mencionado no livro “Frases e Curiosidades Latinas”, de Arthur Rezende.  O anagramista mostrou-se muito bem inspirado perspicaz.

O anagrama é o seguinte:

Segundo o Novo Testamento, quando Jesus estava diante de Pilatos e Pilatos lhe perguntou “Quid est veritas?” (O que é a verdade?), Jesus teria silenciado.  Segundo o anagramista (O Arthur Rezende não menciona o nome do anagramista), Jesus não teria respondido, porque a resposta estava na própria pergunta, bastando fazer alterações nas letras, formando o anagrama: “Est vir qui adest.” (É o homem que está aqui presente.).  Ou seja, a Verdade seria Ele, Jesus.  O mesmo que disse “Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida”.
avatar
Waldir Cury

Número de Mensagens : 139
Idade : 73
Nacionalidade : Brasileira
Data de inscrição : 22/04/2015

http://www.taquigrafiaemfoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ANAGRAMA: QUID EST VERITAS? EST VIR QUI ADEST.

Mensagem por Waldir Cury em Sab Jul 11, 2015 12:48 pm

Depois de pesquisar bastante, consegui descobrir quem foi o autor deste anagrama.  Ele é atribuído a Santo Agostinho de Hipona, conforme podemos ver no penúltimo parágrafo da página 20 deste texto em inglês:
https://nanovic.nd.edu/assets/24411/mauro_paper_9.pdf
avatar
Waldir Cury

Número de Mensagens : 139
Idade : 73
Nacionalidade : Brasileira
Data de inscrição : 22/04/2015

http://www.taquigrafiaemfoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ANAGRAMA: QUID EST VERITAS? EST VIR QUI ADEST.

Mensagem por Waldir Cury em Sab Jul 11, 2015 7:16 pm

Agostinho era um exímio latinista!  No livro “O Trivium Clássico”, de Marschall McLuhan, à página 186,
lemos o seguinte trecho, a respeito de Petrarca, o “pai do Humanismo”, que se tornou amigo de Agostinho:

“Um considerável abalo propiciado por Santo Agostinho a Petrarca foi o de descobrir que o santo escrevia
 um latim melhor do que o dele.”

Um outro trecho sugestivo em relação à erudição de Agostinho, está às páginas 111/112:

“A famosa declaração de Carlos Magno – “Ah, mas se eu tivesse doze sábios como Jerônimo e Agostinho!”
– recebeu, de Alcuíno, a seguinte resposta: “Deus possuía apenas dois, e tu queres doze!”.
avatar
Waldir Cury

Número de Mensagens : 139
Idade : 73
Nacionalidade : Brasileira
Data de inscrição : 22/04/2015

http://www.taquigrafiaemfoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ANAGRAMA: QUID EST VERITAS? EST VIR QUI ADEST.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum