IGNOTUM PER IGNOTIUS....e....IGNOTUM PER AEQUE IGNOTUM.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

IGNOTUM PER IGNOTIUS....e....IGNOTUM PER AEQUE IGNOTUM.

Mensagem por Waldir Cury em Dom Ago 09, 2015 11:23 am

IGNOTUM  PER  IGNOTIUS = “O desconhecido pelo mais desconhecido ainda”. 

Em Retórica, refere-se à tentativa de querer explicar algo desconhecido com algo mais desconhecido ainda.  Exemplo: “O forno está quente por causa da Lei de Fourier”.

IGNOTUM  PER  AEQUE  IGNOTUM = “O desconhecido igualmente pelo desconhecido”.  Trata-se de uma falácia, que tenta explicar o desconhecido por algo também desconhecido.  Esta expressão ficou famosa por ter sido usada por Galileu Galilei, no seu “Diálogo sobre os dois Máximos Sistemas do Mundo”.

 

TRECHO DO “DIÁLOGO”:

SALVIATI: Diga-me: numa demonstração, não se supõe que a conclusão seja desconhecida?

SIMPLICIO: Desconhecida, certamente, senão a demonstração seria supérflua.

SALVIATI: Mas o termo médio (de um silogismo) deve ser conhecido, não deve?

SIMPLICIO: Sim, deve.  Caso contrário, estaríamos querendo provar “ignotum per aeque ignotum”, ou seja, provar o desconhecido com algo também desconhecido.
avatar
Waldir Cury

Número de Mensagens : 139
Idade : 73
Nacionalidade : Brasileira
Data de inscrição : 22/04/2015

http://www.taquigrafiaemfoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum